Interior

Justiça condena acusados da morte de adolescente em Delmiro Gouveia

19/04/18 - 15h36 - Atualizado em 19/04/18 - 16h07
Arquivo

Quase um ano depois do assassinato de Arthur Pantaleão, de 14 anos, em Delmiro Gouveia, no Sertão de Alagoas, o juiz Lucas Lopes Dória, da 2ª Vara Criminal, deferiu, nesta quinta-feira (19), a condenação dos acusados por crime de latrocínio.

Walter Kassius Clay Duarte Cavalcante, 22 anos, apontado como o executor, foi condenado a 21 anos e 14 dias de regime fechado. Já Jeferson Clemente, que na época era menor idade, teria agido como comparsa de Walter e continuará cumprindo pena de medida socioeducativa por mais três anos.

Jeferson Clemente e Walter Kassius

 

Na primeira audiência de instrução e julgamento, Walter Kassius disse desconhecer Jeferson e negou o crime, mas o inquérito policial o aponta como executor do adolescente.

Em seu depoimento, Jeferson contou que iriam roubar o celular do garoto e a motocicleta que ele estava, mas o menino tentou fugir e Walter sacou um revólver e disparou três tiros. Assustados os criminosos decidiram não levar nada da vítima e fugiram pulando o muro do cemitério e depois adentraram em um matagal.