Alagoas

Menino morre após se afogar em santuário ecológico de Atalaia

15/07/18 - 13h57 - Atualizado em 15/07/18 - 14h13
Cortesia ao TNH1/Juliana dos Anjos - TV Pajuçara

O que era para ser um domingo (15) de diversão terminou em tragédia num santuário ecológico de Atalaia. Um menino de 10 anos morreu afogado nas águas de uma piscina natural do local. Ele ainda chegou a ser socorrido, mas a equipe de socorristas do grupamento aéreo não conseguiu reanima-lo.

A informação da morte foi confirmada pela assessoria de comunicação do Samu, que prestou o socorro com a equipe do Falcão 05 e levou o menino para o Hospital Geral do Estado, no bairro do Trapiche da Barra, em Maceió.

O garoto, que ainda não teve a identidade revelada, brincava com outra criança, de apenas 3 anos, quando ambos se afogaram. O mais novo foi socorrido por familiares e amigos, que não notaram que o menino mais velho ainda estava na água. Ele ficou submerso por aproximadamente 10 minutos.

A jornalista Juliana dos Anjos, da TV Pajuçara, esteve no local na manhã de hoje e informou que o lugar é o Santuário Ecológico Fazenda de Santa Tereza. De acordo com a jornalista, assim que chegou ao local notou uma correria e soube do afogamento. Ele disse ainda que um grupo de pessoas estaria cobrando uma taxa de R$ 10 por pessoa e que não havia guarda-vidas no local.

Uma vendedora de lanches que trabalhava no lugar informou que uma criança já havia morrido lá motivo pelo qual o lugar passou um tempo fechado.

De acordo com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), autarquia vinculada ao Ministério do Meio Ambiente e que integra o Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama), o local é considerado uma Reserva Natural do Patrimônio Natural (RPPN).

O TNH1 não conseguiu contato com os administradores do Santuário Ecológico Fazenda de Santa Tereza e coloca o espaço a disposição para futuros esclarecimentos.