Manchester United enfrenta neve e pressão, mas avança na Copa da Inglaterra

17/03/2018 - 22:11 - Atualizado em 17/03/2018 - 22:11
(Crédito: Reprodução)

Quatro dias depois de ser eliminado na Champions League, o Manchester United voltou a campo para outro jogo decisivo, agora pela Copa da Inglaterra. Em casa, jogando sob muito frio e neve, o time passou sufoco contra o modesto Brighton, mas conseguiu vencer por 2 a 0 e se classificou para semifinal. O próximo adversário será o Tottenham.

A baixa temperatura, com muita neve sobre o gramado, parece ter invadido o ambiente do jogo. Afinal o primeiro tempo foi frio, sem emoção e com poucas chances de gol. Tudo só esquentou quando Lukaku, aos 36min, marcou de cabeça e abriu o placar.

Depois do intervalo, o jogo mudou: o Brighton passou a dominar as ações ofensivas e chegou perto do gol. O goleiro Romero e erros de finalização impediram que o empate acontecesse. Então veio o castigo aos 38min: Matic fez o gol que decretou a vitória dos Red Devils.

O destaque da vitória do Manchester foi o goleiro Sergio Romero. No primeiro tempo, ele fez uma defesa difícil e foi ainda mais exigido após o intervalo. Conseguiu se destacar e foi fundamental para evitar gols do Brighton.

A partida demorou meia hora para começar de verdade. Antes disso, o United teve mais posse de bola, mas não criou nada. Aos 31min, Mata e Smalling desperdiçaram oportunidades. Pouco depois, no outro lado, o goleiro Romero teve trabalho para defender um cabeceio de Dunk. E então aconteceu o gol de Lukaku.

Após cruzamento perfeito de Matic pela esquerda, Lukaku apareceu na área e desviou a bola de cabeça para o gol. Isso comprovou a boa fase dele na Copa da Inglaterra: foram 11 gols nos últimos 10 jogos que disputou pela competição.

O segundo gol do Manchester também foi de cabeça. Desta vez Matic apareceu na área, aproveitou cruzamento de Ashley Young e mandou a bola para o fundo da rede.

Fonte: Folhapress