CRB bate o Goiás no Rei Pelé e abre distância do Z-4 da Série B

14/11/2017 - 19:56 - Atualizado em 15/11/2017 - 00:55
(Crédito: Pei Fon / Portal TNH1)

Apoiado pela torcida, o Clube de Regatas Brasil venceu o Goiás por 2 a 1 e conquistou um importante resultado na noite desta terça-feira (14), no Estádio Rei Pelé, em Maceió. Zé Carlos abriu o placar aos 29' e Adalberto ampliou aos 48' do 1º tempo; Júnior Viçosa diminuiu aos 40' da etapa final. O jogo valeu pela 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Portal TNH1 e a Rádio Pajuçara FM Maceió - 103,7 acompanharam a partida. 

Tabela

A vitória colocou o CRB na 13ª posição, com 45 pontos. Com a derrota, o Goiás caiu para 14º e permanece com 44 pontos. Na zona do rebaixamento, o Luverdense tem 40 pontos e ocupa a 17ª colocação.   

Artilheiros

Preparado para os jogos em casa, Zé Carlos reassumiu a vaga no ataque titular do CRB e começou perturbando a zaga alviverde. Logo no primeiro minuto, Edson Ratinho cobrou falta, o camisa 9 recebeu sozinho e marcou, mas estava em impedimento. O Goiás respondeu com Júnior Viçosa. O atacante aproveitou cruzamento de escanteio, dividiu com Kölln pelo alto e viu a bola passar por cima. No lance seguinte, Viçosa chutou colocado e mandou para fora. 


(Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

O jogo tenso pela posição dos dois times na tabela, resultou em algumas faltas divididas mais acirradas. O árbitro passou a apitar mais rígido e puniu Rodrigo Souza e Léo Sena com cartão amarelo. Aos 26', Aylon apareceu sozinho na frente de Kölln, mas se enrolou no drible e deixou a bola escapar. Aos 28', Marcos Martins bateu falta, Boaventura desviou e Zé Carlos fez o gol. O jogador, no entanto, estava impedido novamente e a jogada foi anulada. 


(Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

Na terceira chance, ele não vacilou. Aos 29', Ratinho cruzou pela direita e Zé Carlos, em posição legal, mergulhou para cabecear e abrir o placar. Foi o quarto gol do atacante na Série B. Após o gol, o CRB amarrou a partida. Nos acréscimos, Diego cobrou falta na lateral esquerda, Adalberto testou na medida, ampliou o placar e anotou o quinto gol dele na Segundona. O zagueiro é o vice-artilheiro do Regatas na competição, atrás apenas de Neto Baiano, que tem oito gols. 


(Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

Vitória importante

O Esmeraldino retornou do intervalo ligado. Aos 4', Péricles largou a bomba de fora da área e Kölln pegou em dois tempos. Aos 9', foi a vez de Carlos Eduardo testar o goleiro alvirrubro, que levou a melhor. Desgastado, Zé Carlos saiu de campo muito aplaudido aos 14', para entrada de Neto Baiano. Com a vantagem em mãos, o Galo segurou as investidas e evitou dar espaços.


(Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

Nas arquibancadas, a torcida cobrou bastante a atuação do árbitro Felipe Gomes da Silva, que distribuiu oito cartões para o CRB e deixou de amarelar Carlinhos e Elyeser em lances parecidos com as demais punições. 


(Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

Fora do campo, Mazola trocou Chico e Rodrigo Souza por Erick Salles e Jorginho, respectivamente, e deu novo fôlego ao time. O Goiás botou fogo no jogo aos 40', quando Nathan cruzou pela esquerda, Kölln afastou mal e Viçosa, de cabeça, diminuiu o placar.

No tudo ou nada, o Esmeraldino ainda tentou empatar em cobranças de falta, mas sem sucesso. Aos 51', o árbitro encerrou a partida, que decretou o importante triunfo do CRB na luta pela permanência na Série B. 


Festa da torcida regatiana no final do jogo (Foto: Pei Fon / Portal TNH1)


Gol de Júnior Viçosa teve preço alto: atacante levou a pior em dividida com Flávio Boaventura (Foto: Pei Fon / Portal TNH1)


Vitória e agradecimento: torcida do Regatas empurrou o time e comemorou no final (Foto: Pei Fon / Portal TNH1)

 

Ficha técnica

CRB

1- Edson Kölln
2- Marcos Martins
3- Flávio Boaventura
4- Adalberto
6- Diego
5- Yuri
8- Rodrigo Souza (17- Jorginho, aos 33' do 2º tempo)
7- Edson Ratinho
10- Tony
11- Chico (21- Erick Salles, aos 20' do 2º tempo)
9- Zé Carlos (22- Neto Baiano, aos 14' do 2º tempo)

Técnico: Mazola Jr. 

Banco: 12- Bruno, 13- Eduardo, 14- Audálio, 15- Gabriel, 16- Pedro Botelho, 17- Jorginho, 18- Rodolfo, 19- Marion, 20- Elvis, 21- Erick Salles, 22- Neto Baiano e 23- João Paulo.

Goiás

1- Marcelo Rangel
2- Pedro Bambu
3- Fábio Sanches
4- Matheus Ferraz
6- Carlinhos
5- Péricles (21- Saavedra, aos 18' do 2º tempo)
8- Elyeser
7- Carlos Eduardo (19- Michael, aos 19' do 2º tempo)
10- Léo Sena
11- Aylon (17- Nathan, aos 24' do 2º tempo)
9- Júnior Viçosa

Técnico: Hélio dos Anjos

Banco: 12- Renan, 13- Jefferson, 14- Everton Sena, 15- Ramires, 16- Thalles, 17- Nathan, 18- Gustavo, 19- Michael, 20- Andrezinho e 21- Saavedra.

Cartão amarelo

CRB: Rodrigo Souza, João Paulo, Zé Carlos, Neto Baiano, Chico, Adalberto, Edson Kölln, Edson Ratinho. 

Goiás: Léo Sena, Aylon. 

Arbitragem

Árbitro: Felipe Gomes da Silva (CBF/PR);

Auxiliar 1: Luiz H. Souza Santos Renesto (CBF/PR);

Auxiliar 2: Diogo Morais (CBF/PR);

4º árbitro: Edvaldo Elias da Silva (CBF/PR).

Tabela fornecida pelo site Sr. Goool. 

CParticipantesPGJVEDGPGCSG%A
 América Mineiro-MG69361912545252063,9
 Internacional-RS65361811750262460,2
 Ceará-CE6336189944311358,3
 Paraná-PR60361791047272055,6
 Londrina-PR5836177125546953,7
 Oeste-SP58361416642281453,7
 Vila Nova-GO5536141393628850,9
 Juventude-RS50361311123333046,3
 Brasil-RS4836146163946-744,4
10º
 Criciúma-SC47361211133842-443,5
11º
 Boa Esporte-MG46361113123740-342,6
12º
 Paysandu-PA4536129153738-141,7
13º
 CRB-AL4536129153548-1341,7
14º
 Goiás-GO4436128163443-940,7
15º
 Figueirense-SC44361111144349-640,7
16º
 Guarani-SP43361110153644-839,8
17º
 Luverdense-MT4036913143540-537
18º
 Santa Cruz-PE3436713163648-1231,5
19º
 Náutico-PE323688202846-1829,6
20º
 ABC-RN313687212648-2228,7

ver galeria
1/17