Policial que matou assaltante próximo a ponto de ônibus no Tabuleiro é absolvido

13/09/2017 - 12:37 - Atualizado em 13/09/2017 - 12:37
(Crédito: Reprodução / Google Street View)

Um policial foi absolvido nesta quarta-feira (13) por ter matado um assaltante no bairro do Tabuleiro do Martins, parte alta de Maceió, em 2008.

Antônio Carlos Lins Vasco foi acusado de ter matado Euclides dos Santos, que teria assaltado os policiais José Ferro Barbosa e Bernadino Marcos Ferreira, que estavam disfarçados em um ponto de ônibus. Euclides foi perseguido e detido pelos policiais após roubar os celulares deles. Em seguida, Antônio Carlos atirou no assaltante, que já estava no chão.

Segundo o depoimento do policial José Ferro Barbosa, Antônio Carlos percebeu quando os dois policiais estavam sendo assaltados. Ele disse que o assaltante efetuou dois disparos contra os agentes após ver que um deles estava armado. Os policiais o perseguiram conseguiram detê-lo. Quando Euclides caiu no chão, tentou pegar a arma, mas foi baleado por Antônio.

O réu levou o assaltante ao Hospital Geral do Estado (HGE), mas o homem não resistiu e morreu.

A Justiça absolveu Antônio Carlos, por considerar a tese de legítima defesa e porque o réu prestou socorro à vítima.