Polícia Civil faz mudanças no comando de delegacias na capital e no interior

11/07/2018 - 16:41 - Atualizado em 11/07/2018 - 16:47
(Crédito: Arquivo TNH1)

Foram publicadas no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (11) as alterações relacionadas à delegacias promovidas pela Polícia Civil. As mudanças já estavam programadas para acontecer desde o mês passado e tem o objetivo de "renovar" os trabalhos de investigação.

Anteriormente comandada pelo delegado Mário Jorge Barros, a Gerência de Recursos Especiais (GRE) passa a ser de responsabilidade do delegado Fábio Costa, ex-coordenador da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC). Além dessa troca, agentes de polícia e escrivães também foram remanejados. Já Mário Jorge Barros assume a Gerência da Polícia Judiciária.

Quem também teve o nome envolvido na "dança das cadeiras" foi o delegado Cayo Rodrigues Silva, que vai responder pela Seção de Crimes Contra Instituições Financeiras, e também integra a GRE. 

Ainda de acordo com a publicação no diário oficial, o delegado Vinícius Ferrari, que era da Seção de Roubo a Banco, está de mudança para a Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (DRN), onde respondia o delegado Gustavo Pereira, que assume as delegacias de Murici e Branquinha.

Em Arapiraca, sai o delegado Thiago Prado e entra Igor Diego Vilela Costa, que fica responsável pela região do Agreste. Vilela Costa estava em Atalaia e Prado agora responde pela Seção Antissequestro e Crimes Cibernéticos. Por fim, a delegacia de Atalaia recebe Guilherme Iusten, que era da Divisão Especial de Investigações e Capturas (Deic).