Polícia evita execução de homem encontrado amarrado “à espera” dos assassinos

Guarnição encontrou vítima completamente imobilizada em um cadeira

23/11/2017 - 08:16 - Atualizado em 23/11/2017 - 09:25
Nailson foi salvo por guarnição (Crédito: TV Pajuçara / Rafael Alves)

Um homem por pouco não é morto a tiros por bandidos, após ser imobilizado e ter mãos e pés amarrados a uma cadeira, em uma das vielas da Vila Brejal, em Maceió, nessa quarta-feira (22).

De acordo com informações do tenente Cardoso, do 1º Batalhão, a guarnição encontrou a vítima, identificada como Nailson Davi Nascimento dos Santos, de 22 anos, completamente imobilizado, sendo vigiado por quatro indivíduos armados. Testemunhas relataram que ao, todo, nove homens ameaçavam Nailson. Eles fugiram com a chegada da polícia.

Segundo apurado pela equipe de reportagem da TV Pajuçara, a vítima mora no Vergel do Lago e tinha ido a Vila Brejal para levar o leite de seu filho, que vive com sua ex-companheira. “Quem mora no Vergel não pode vir até a Brejal”, disse Nailson durante entrevista.

A polícia desconfia que os homens que amarraram Nailson pertecem a uma facção rival a dele, por isso o ameaçavam. “O rapaz que foi amarrado já tem vasta ficha criminal também, como tráfico, tentativa de homicídio e roubo”, observou o tenente Cardoso.

Ferido, Nailson foi levado ao Hospital Geral do Estado (HGE) para receber atendimento e, em seguida, conduzido ao Complexo de Delegacias Especializadas (Code), onde foi ouvido pelo delegado plantonista.

Veja matéria completa exibida no Balanço Geral Alagoas: