Doença da época, virose tem aumento de casos em Maceió; veja como evitar

13/03/2018 - 11:51 - Atualizado em 13/03/2018 - 11:51
Febre é um dos sintomas da virose (Crédito: Reprodução)

Mal estar, febre, diarreia e vômito são alguns dos sintomas de uma virose que tem incomodado cada vez mais pessoas nesse período de calor. A enterovirose, que pode ser causada por quase 80 tipos de vírus, tem registrado mais casos em Maceió este mês.

Segundo especialistas, ainda não se pode falar em surto, mas só no ambulatório Denilma Bulhões, por exemplo, foram atendidos 30 casos em março, até esta terça.

Em conversa com o portal TNH1, a médica especialista em infectologia, Adriana Ávila, esclareceu algumas dúvidas da população e o que pode ser feito para evitar o vírus.

“É muito comum nessa época do ano termos casos de enterovirose, que causa esse tipo de sintoma. Começa com uma febre, o que gera um mal estar, seguidos por vômito, diarreia, conjuntivite ou manchas no corpo. Há outros casos mais graves, mas a maioria fica restrita a estes sintomas”, explicou.

Ainda de acordo com a médica, não existe vacina para combater o vírus. Ele é eliminado através das fezes e o paciente deve aguardar o próprio organismo combatê-lo com o tempo.

"Quando você não higieniza adequadamente as mãos, por exemplo, você acaba ficando com o vírus e transmitindo para outras pessoas. É comum ser transmitido em um ambiente intradomiciliar, entre pessoas que moram na mesma casa, ou em um ambiente de trabalho ou escola. Para prevenir é importante lavar as mãos com frequência", disse.