Cotidiano

Acabou! 25 anos depois, Cleusa “de mala e cuia” assina divórcio

Metrópoles | 20/05/19 - 13h20
Reprodução Redes sociais

A história de Cleusa ganhou o Brasil e finalmente chegou ao fim. Com uma hora de atraso, além dos 25 anos de espera, Denilson Florência, ex-marido de Cleusa, compareceu ao cartório e assinou o divórcio da manhã desta segunda-feira (20/05/2019), no Rio de Janeiro.

Vestida toda de preto, a mulher foi de mala e cuia esperar o ex. Se ele não aparecesse, Cleusa prometeu que se mudaria para a casa dele. “Essa é uma expectativa muito grande que mexeu com o Brasil e o mundo. Já estive aqui três vezes para assinar. Da outra vez saí daqui chorando. Espero que o Denilson venha e resolva isso, que será bom para mim e ele”, avisou ela.

Por fim, ele apareceu. “Esse é o casamento que eu quero sepultar. Estou de preto, pois hoje é um dia fúnebre. Vinte cinco anos em dez minutos resolve. Não fui porque ele prometeu vir assinar. Se ele não tivesse vindo, sairia daqui direito para casa dele”, disse Cleusa.

Entenda a confusão
A história da cabeleireira viralizou depois que ela decidiu dividir seu drama nas redes sociais. Cleuza prometeu que se mudaria para a casa do ex-marido se ele não assinasse o divórcio. A atitude “drástica” tinha um motivo: eles estão separados há 25 anos e Denilson já vive com outra mulher.

No Facebook, um evento que já conta com mais de 100 mil seguidores, foi criado para acompanhar a saga da mulher.

A mudança estava marcada para este último domingo (19), mas foi cancelada horas antes. “Eu fiz o vídeo de cabeça quente e não esperava as proporções que isso fosse tomar. Mas hoje é domingo e o cartório não abre. Então não adianta eu ir na casa dele com papel pra assinar”, explicou.