Mundo

Avião atinge e mata urso-pardo durante pouso no Alasca; filhote escapa

Metrópoles | 16/11/20 - 22h00
Reprodução / Youtube

Um avião da Alaska Airlines atingiu um urso pardo, matando o animal e causando danos ao avião, durante um pouso. De acordo com informações da Fox Business, um filhote de 2 anos escapou por pouco e não se feriu. O caso aconteceu no sudeste do Alasca (EUA)

O Departamento de Transporte e Instalações Públicas do Alasca afirmou que a aeronave sofreu alguns danos pelo impacto e vai ficar uns dias em manutenção. Sam Dapcevich, o porta-voz do departamento, disse que a equipe do aeroporto liberou a pista cerca de 10 minutos antes do horário previsto para o voo do Boeing 737. O caso ocorreu na noite de sábado (14/11).

As informações apontam ainda que, no momento do pouso, a tripulação seguiu os procedimentos normais de verificação da pista. A equipe não encontrou sinais de vida selvagem durante a verificação, mas os pilotos avistaram os dois ursos cruzando a pista enquanto o avião reduzia a velocidade após o pouso, disse Dapcevich.

“A parte de frente do avião não acertou os ursos, mas o capitão sentiu um impacto no lado esquerdo, depois que os animais passaram por baixo do avião”, disse a Alaska Airlines, em nota.

A companhia aérea afirmou que os pilotos viram o urso caído a cerca de seis metros do centro da pista, enquanto o avião taxiava para uma área de estacionamento. A capota do motor esquerdo foi danificada e o avião permaneceu em Yakutat. “Nossos técnicos de manutenção estão trabalhando para consertar o avião, o que levará alguns dias”, informou a Alaska Airlines.