Nordeste

Ceará: 10 membros da mesma família foram confirmados com Covid-19

Diário do Nordeste | 06/06/20 - 16h30
Arquivo Pessoal

Uma família do bairro Parangaba, em Fortaleza, teve 10 pessoas confirmadas com Covid-19 por exames, nos útlimos dois meses. O grupo vive em casas dentro de um mesmo terreno. Cinco chegaram a ser internadas em hospitais do setor público e privado. Outros sete membros apresentaram sintomas da doença e receberam tratamentos. Todos tiveram alta nas últimas semanas.

Os meses de maio e junho foram de tensão na família da gerente comercial Rayssa Alencar, 31 —  os sintomas do Covid-19 atacaram crianças e idosos. Com a forma mais grave da doença foram internados José Almir, 55;  Antônia Cavalcante, 63; Fátima Cavalcante, 70; Amanda Cavalcante, 25, e Nilza Cavalcante Cavalcante, 95.

Os pacientes sofriam de problemas respiratórios, pressão alta, diabetes e alergias. Rayssa Alencar, por conviver próximo aos confirmados com a doença, chegou a realizar tratamento com o uso de azitromicina e Ivermectiva.

Nesta sexta-feira (5), Nilza Calvalcante deixou o Hospital de Campanha Presidente Vargas após 17 dias de internação. Ela foi a paciente 799° a receber alta médica. A idosa foi transferida para o Hospital de Campanha no PV no dia 28 de maio. Até então, ela estava recebendo tratamento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Bairro Itaperi. 

A comerciante Iris Cavalcante, esposa de José Almir, conta que os cuidados foram redobrados em casa. "Continuamos tomando todas as medidas de segurança. Já fui ao mercado fazer compra de luvas e máscaras. A família é grande demais".