Nordeste

Ceará repatria fóssil com mais de 110 milhões de anos

Metrópoles | 13/05/22 - 20h25
O fóssil estará disponível no museu de Cariri para apreciação dos pesquisadores e visitantes | Foto: Reprodução/Ascom Urca

Um fóssil de peixe com mais de 110 milhões de anos, avaliado em 3 mil euros, mais de R$ 16 mil, foi devolvido à Universidade Regional do Cariri (Urca) por meio do Ministério Público Federal (MPF). A peça foi encontrada na Itália, sendo comercializada ilegalmente em site europeu.

O resgate do material é resultado de um trabalho da justiça brasileira em parceria com a URCA. Após análise, a peça devolvida, originária da formação Santana e do Período Cretáceo, será destinada para exposição no Museu de Paleontologia Plácido Cidade Nuvens, em Santana do Cariri.