Alagoas

Com previsão de mais flexiblização, Renan Filho deve anunciar hoje novo decreto

Gilson Monteiro | 22/07/21 - 09h27 - Atualizado em 22/07/21 - 12h29
Foto: TNH1/Arquivo

Termina hoje, quinta-feira, 22, a vigência do último decreto estadual que disciplina o distanciamento social no estado. Como adiantou o Blog do Ricardo Mota, o novo decreto deve flexibilizar o setor de eventos – que deverá aumentar o número permitido de pessoas -, além de alguns estabelecimentos, como academias de ginástica e templos religiosos, que deverão ter autorização para ampliar o público presente.

No último decreto, que vence hoje, Renan Filho (MDB) ampliou horário de funcionamento de bares e restaurantes para as 22h, reabriu cinemas, teatros, museus, circos e parques temáticos e a liberação para realização de eventos sem venda de ingressos. No caso de teatros, museus, parques temáticos, circos e cinemas, a autorização estabelece funcionamento com 30% (trinta por cento) de sua capacidade, seguindo os protocolos sanitários.

Já para a realização de eventos sociais, corporativos e celebrações, a liberação passa a valer a partir de 12 de julho, sem venda de ingressos e com as seguintes regras: eventos ao ar livre, limitados a 100 (cem) pessoas, e eventos em locais fechados, limitados a 50 (cinquenta) pessoas. Por fim, o decreto passa a permitir o funcionamento do transporte intermunicipal e turístico com 50% de sua capacidade.

Queda na ocupação de leitos

Ocupação de leitos tem caído nas últimas semanas. Foto/ Agência Alagoas

A previsão de que haverá novas flexibilizações toma como base alguns índices positivos da pandemia em Alagoas, como a ocupação de leitos de UTI por pacientes com Covid-19, um dos principais índices na hora de calcular o que deve ou não se manter fechado. 

Segundo o último boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), nessa quinta-feira (21),o percentual de ocupação corresponde a 49%.

Um índice abaixo dos 50% não era visto na Rede Pública de Saúde desde o dia 31 de janeiro deste ano, de acordo com informações da Central de Regulação de Leitos de Alagoas. Na semana passada, a taxa de ocupação de leitos de UTI foi menor do que 60%, o que não se via em Alagoas desde o mês de fevereiro. Nesta quinta-feira (22), das 400 vagas de UTI destinadas para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), 194 estavam ocupadas.