Gente Famosa

Ed Motta detona Raul Seixas: “Era um merda, ruim para caralh*”

Metrópoles | 21/02/22 - 23h37
Foto: Reprodução

O cantor Ed Motta causou polêmica nas redes sociais ao detonar o cantor Raul Seixas, que morreu em 1989, durante live nas redes sociais. No relato, o artista acusou Seixas de ter trabalhado na gravadora CBS em meados da década de 1970, advogando contra músicos.

“Raul Seixas tem uma falha de caráter terrível na vida dele. Ele foi funcionário de gravadora, ou seja, ele trabalhou contra os colegas. Não tenho medo nenhum de falar contra Raul Seixas, era um puta de uma merda, ruim para caralh* musicalmente, ruim para caralh* de tudo”, iniciou.

Ele ainda atribuiu o sucesso de Raul ao escritor Paulo Coelho, que assina grande parte das composições que fizeram sucesso na voz do cantor. “Quem fazia o que ele tinha de mais brilhante, que era o texto, era o Paulo Coelho, então esse cara era um idiota. Era um funcionariozinho de gravadora gravando uns discos de merda”, declarou Ed. A cantor de Fora da Lei também chamou Raul de “desqualificado” e o acusou de atuar “a favor do sistema” e “fazendo contratos”.

“O cara era um merda completo, uma porcaria como músico, como tudo. O cara não servia para limpar o chão que se bota a guitarra em cima, um idiota completo”, afirmou o cantor com uma taça de vinho na mão. Ele enfatizou que não estava bêbado e que, de fato, pensa isso de Raul. “Não pense que estou falando isso porque bebi vinho, bebi bem pouco, estou super suave, estou super chapa branca, meu coração está doce. Se eu não tivesse bebido vinho, minha opinião seria bem mais ácida”, garantiu.