Futebol

Ex-jogador dispara contra Neymar: “Não tem um estilo de vida adequado”

Metrópoles | 04/01/22 - 21h18
Reprodução / Instagram

O ex-jogador do Paris Saint-Germain e comentarista da RMC Sports, Jérôme Rothen, detonou a passagem de Neymar pelo Brasil durante a pausa no calendário europeu para as festas de natal e ano novo. Machucado, o brasileiro se recupera de uma lesão no tornozelo esquerdo, sofrida no fim de novembro.

“Como podemos aceitar isto de um jogador que não esteve em 50% dos jogos desde o início da temporada e que tem, em comparação com outros anos, proporção de gols e assistências baixa? É menos eficiente. Envelhece, ganha peso sem parar, não tem um estilo de vida adequado. Quando passa dos 30 anos a recuperação não é como aos 25. Quando faz bobagem coloca tudo em risco”, criticou Rothen.

De acordo com a última atualização do PSG, o camisa 10 permanecerá até o dia 9 de janeiro no Brasil acompanhado da equipe médica do clube. Neymar se lesionou quatro vezes ao longo da última temporada, o que também representa um prejuízo financeiro ao clube. Diante do cenário, Jérôme Rothen também fez duras críticas ao diretor esportivo da equipe parisiense, o brasileiro Leonardo.

“Isto é inaceitável por parte do clube e volto a culpar o diretor desportivo. É ele quem dá autorização ao Neymar para só se apresentar em 9 de janeiro e fazer tratamento no Brasil. Estamos onde? Isto é incrível. É o diretor desportivo de um dos maiores clubes da Europa e quer ganhar a Champions”, pontuou. Rothen ainda fez duras críticas ao fato de Neymar permanecer no Brasil enquanto o restante do elenco já se reapresentou na França.

“Nunca um dos principais jogadores faz tratamento em outro país. Isto não é normal porque quem sofre é a imagem do PSG. Através das bobagens do Neymar nas redes sociais, onde aparece jogando póquer, em festas. Agora vai fazer vídeos levantando pesos para dizer que está se preparando para retornar em fevereiro”, completou. O jogador brasileiro deu uma festa de ano novo em sua mansão em Mangaratiba, no Rio de Janeiro. Neymar apareceu de muletas no evento. Mesmo sem o camisa 10 e sem Messi, que testou positivo para Covid-19, o PSG venceu seu primeiro compromisso de 2022 ao derrotar o Vannes por 4 x 0 na Copa da França. Destaque para Kylian Mbappé que marcou 3 gols.