Economia

Hidrelétricas geram o menor volume de energia desde 2002

Metrópoles | 15/09/21 - 13h36 - Atualizado em 15/09/21 - 13h41
Daniela Barcellos / Palácio Piratini

O país teve, em julho, a menor produção de energia hidrelétrica desde fevereiro de 2002. Por outro lado, as usinas termelétricas registraram recorde de geração no período. Os dados são do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). As hidrelétricas produziram 34.489 MWmed, o que representa o menor nível desde fevereiro de 2002 (33.775 MWmed).

Segundo o ONS, as termelétricas geraram 18.625 megawatts-médios (MWmed) em julho, maior quantidade da história e o dobro do registrado em março (9.341 MWmed). Conforme já mostrou o Metrópoles, a energia gerada pelas usinas térmicas é mais cara e, por isso, provoca aumento na conta de luz. Além disso, a geração também é mais poluente. O acionamento dessas usinas é reflexo do agravamento da crise hídrica, que é a pior dos últimos 91 anos, de acordo com o governo federal.