Brasil

Modelo mirim é encontrada, desmente sequestro e acusa pais de maus-tratos

Metrópoles | 23/11/20 - 14h19
Arquivo Pessoal

A Polícia Civil de São Paulo encontrou a modelo mirim Emily Dias, de 14 anos, que estava desaparecida desde a madrugada de sábado (21/11). De acordo com a polícia, a menina admitiu ter fugido de casa, desmentindo a versão dos pais sobre um sequestro, e os acusou de maus-tratos.

Emily foi encaminhada para o Conselho Tutelar de Itanhaém, litoral de SP, que vai investigar o caso, de acordo com o jornal O Dia.

Os pais registraram boletim de ocorrência afirmando que a filha tinha sido sequestrada. Em entrevista ao G1, a mãe de Emily, Dayane Dias, relatou que acordou de madrugada com os latidos do cachorro. Em seguida, disse ter visto um carro saindo da rua e que a maçaneta da casa estava quebrada.

Ela e o marido se levantaram e foram até o quarto das duas filhas, quando o pai constatou que a adolescente não estava lá. De acordo com o boletim de ocorrência, a porta que dava acesso à cozinha estava aberta e com a maçaneta no chão.

A mãe também disse à polícia que a filha fazia trabalhos como modelo, tendo uma participação em uma novela infantil. Segundo ela, a menina estava sem celular e nenhum item do quarto, como roupas ou objetos, foi levado.

“Não é sequestro, foi desaparecimento, ela fugiu de casa mesmo e foi entregue para o Conselho Tutelar até que os casos sejam esclarecidos”, disse a delegada.