Brasil

Motorista é preso injustamente após reconhecimento por foto 3×4 antiga

Metropoles | 13/09/21 - 10h10 - Atualizado em 13/09/21 - 10h53
Motorista é preso injustamente | Foto: Reprodução

Após ser preso injustamente, a partir do reconhecimento por uma foto 3×4, Jeferson Pereira da Silva, de 29 anos, deixou a prisão na Central de Triagem em Benfica, na zona norte do Rio, na manhã desta segunda-feira (13/9), após permanecer encarcerado por seis dias.

“Foram os piores dias da minha vida”, afirmou o jovem, entrevistado pela TV Globo no momento em que saiu da cadeia.

Motorista de aplicativo, Jeferson foi acusado pelo roubo de um celular e de R$ 5 em uma ocorrência registrada em fevereiro de 2019. O reconhecimento foi realizado pela vítima – 21 dias após o roubo – e baseado em uma fotografia antiga, no formato 3×4, de Jeferson – de quando ele ainda era um adolescente.

O advogado de Jeferson – Carlos Dutra – conseguiu um habeas corpus no plantão judiciário neste domingo (12/9) que garantiu a soltura do jovem.