Brasil

Ouça o áudio da mulher que ligou para o 190 fingindo pedir pizza para denunciar marido agressor, no DF

Metrópoles | 30/09/21 - 15h54 - Atualizado em 30/09/21 - 16h02
Marcello Casal Jr / Agência Brasil

A mulher vítima de agressão por parte do companheiro que simulou ligação para uma pizzaria a fim de pedir ajuda por meio do 190 conseguiu socorro ao falar em código com um policial militar. Em áudio obtido pelo Metrópoles, é possível identificar que a denunciante, nitidamente nervosa, fala em “casa branca”, referindo-se à arma branca usada pelo homem no momento das ameaças. Logo em seguida, finge que gostaria de receber uma pizza de peperoni e informa o endereço. O fato ocorreu na noite da última terça-feira (28/9). Confira o diálogo:

Transcrição:

PM: – Polícia Militar emergência.
Vítima: – Pizza de pepperoni.
PM: – Me passa o endereço, senhora.
(a mulher informa o endereço)
Vítima: – Arma branca
PM: – Casa branca?
Vítima: – Arma branca, arma branca

O policial militar que atendeu a ligação rapidamente percebeu que o caso se tratava de um pedido de socorro e enviou uma equipe para o endereço da solicitante, em Ceilândia. Quando chegarem ao local, os policiais conversaram com um dos moradores, irmão da vítima, que relatou as discussões do casal. Depois disso, os agentes dirigiram-se até a casa da mulher, que, segundo a polícia, estava “bastante apavorada” e confirmou a ameaça.

O suspeito chegou a amolar a faca na frente da vítima. “No passado, a mãe da mulher foi vítima do companheiro também com golpes de faca. Ele usava o caso para ameaçar e fazer com que ela não o denunciasse”, explicou o sargento Fabio Cabral, que atendeu a ocorrência. O suspeito foi detido no imóvel, e a faca usada nas ameaças, apreendida. O casal foi levado à 15ª DP para registro da ocorrência.