Brasil

Pedófilo do DF fez 100 vítimas pela web; mensagens detalham assédio

Metrópoles | 18/02/20 - 16h13
Reprodução / Internet

Mais de 100 crianças e adolescentes foram alvo do homem de 54 anos preso, em flagrante, na manhã desta terça-feira (18/02/2020), suspeito de pedofilia. Investigadores da 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) apreenderam um tablet e um celular com dezenas de diálogos entre o acusado e as vítimas.

A polícia chegou até o criminoso por meio de uma denúncia feita pela mãe de uma menina de 10 anos. Após flagrar conversas entre a filha e o pedófilo, a mulher armazenou os arquivos e levou o material para a delegacia. A PCDF identificou o dono dos perfis no Instagram e Facebook que eram usados pelo suspeito para trocar mensagens.

Então, foi deflagrada a Operação Harasser. Quando chegaram até a casa do suspeito, em Ceilândia Sul, os investigadores viram que ele mantinha conversas com outras sete crianças e adolescentes e conseguiram apreender o conteúdo digital. O homem era entregador de leite em estabelecimentos comerciais.

O abusador mantinha perfis com fotos e vídeos de jovens aleatórios para enganar as vítimas. O material coletado foi enviado para o Instituto de Criminalística (IC) para perícia. O foco do criminoso era sempre ter acesso a fotos e vídeo com imagens das partes íntimas das crianças e adolescentes.