Política

"Senado não vai contrariar decisão da Câmara", avalia Téo Vilela

19/04/16 - 12h17 - Atualizado em 19/04/16 - 18h12
TNH1

O ex-governador e senador Teotônio Vilela Filho (PSDB) declarou que não acredita que o Senado não pretende derrubar a decisão votada na Câmara de Deputados e, sim, vai aprovar o processo de impeachment movido contra a presidente Dilma Rousseff (PT).

Teo Vilela esteve presente na homenagem concedida ao ministro aposentado do Tribunal de Contas da União (TCU), Guilherme Palmeira, na manhã desta terça-feira (19), na Associação Comercial de Maceió, no bairro doe Jaraguá.

Desde que foi aprovado na Câmara, o processo tem causado ampla discussão entre os parlamentares e senadores . “Esta semana, Aécio estará se reunindo com Temer para acertar ponteiros”, observou o ex-governador.

28 SENADORES DECLARARAM APOIO AO IMPEACHMENT

Ainda segundo Teo, dos 81 senadores, 28 votos já declararam seu apoio à Dilma, o que poderá ampliar um pouco mais nos próximos dias. “Pela experiência que tenho naquela casa, o Senado não vai contrariar a decisão da câmara e o impeachment vai acontecer”, opinou.

Já no cenário alagoano, o clima parece ser diferente. Entre os alagoanos, os senadores Renan Calheiros, Fernando Collor e Biu de Lira sinalizaram que não vão apoiar o processo. Veja texto no Blog do Ricardo Mota sobre o assunto