Brasil

Vídeo: major da PM dá tapa na cara de doméstica que se atrasou no Rio

Metrópoles | 25/07/22 - 14h29
Reprodução

Um major da Polícia Militar é investigado por agredir uma empregada doméstica que trabalha em sua casa, no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio. A vítima levou um tapa no rosto por ter chegado atrasada no serviço.

Imagens de câmeras de segurança mostram que Patrícia Peixoto entra no elevador com seu patrão, o major Bruno Chagas, por volta das 10h18.

Os dois discutem e o PM mantém pouca distância da funcionária, enquanto aponta com o dedo para o seu rosto. Patrícia, então, empurra Chagas, que dá um tapa em seu rosto.

“Deixei minha filha, de 1 ano, com pneumonia em casa. Tinha sido uma noite horrível, e eu deixei ela para ir trabalhar e levar um tapa”, disse a vítima ao RJ1, da TV Globo.

O caso aconteceu na manhã do último dia 18. O caso foi registrado na 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes e a defesa de Patrícia entrou com um pedido de medida protetiva contra o major.

Segundo a Polícia Militar, a Corregedoria da corporação abriu uma investigação sobre o caso.