Brasil

Vídeo mostra momento em que Naja é deixada em shopping de Brasília

Metrópoles | 21/08/20 - 11h37 - Atualizado em 21/08/20 - 11h42

Imagens do circuito de segurança do Shopping Píer 21 mostram o momento em que Gabriel Ribeiro, 24 anos, deixa a Naja kaouthia no estacionamento do estabelecimento. A gravação a qual o Metrópoles teve acesso com exclusividade também registra a apreensão da serpente, feita pelo Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) da PMDF.

O vídeo indica que os policiais chegam cerca de um minuto depois que o jovem saiu do local.

O caso foi investigado pela 14ª Delegacia de Polícia (Gama), após Pedro Henrique Santos Krambeck Lehmkuhl, 22, ser picado pela cobra, de origem asiática. A partir desse fato, os policiais colheram provas de que Pedro estaria envolvido com o tráfico de animais, maus-tratos e que teve ajuda de familiares e amigos para ocultar as evidências e atrapalhar as investigações.

O vídeo, conforme o Metrópoles havia antecipado, colocou policiais do BPMA na investigação. Segundo o relatório final do inquérito, os militares agiram para proteger Gabriel e evitar a prisão em flagrante. A versão foi corroborada pelo depoimento do próprio jovem. À PCDF, ele admitiu que teve a “garantia” dos militares de que se entregasse o animal não seria preso.



Segundo os registros, o jovem chega ao local em uma caminhonete, às 18h14 de 8 de julho, um dia após Pedro ter sido atacado pelo animal. Gabriel desce rapidamente do veículo e deixa uma caixa de plástico, próximo a um barranco, nas redondezas do Píer 21, no Setor de Clubes Sul.

Ele estaciona o carro por volta às 18h15 e se dirige a uma escada. O rapaz fica mexendo no celular, enquanto espera. Ele fica exatamente 30 segundos aguardando. Menos de um minuto depois, a viatura da PM aparece e recolhe a naja.