Mundo

Vídeo: professora salva aluno que estava engasgado com tampinha

Metrópoles | 14/04/22 - 16h06
Reprodução

Um professora de New Jersey, Estados Unidos, salvou um aluno de nove anos que engasgou com uma tampinha de garrafa. Segundo a rede de televisão ABC, Robert estava tentando abrir a garrafa de água com as mãos, mas não conseguiu. Foi aí que decidiu usar os dentes e acabou engolindo a tampa.

“Fui até a pia tentar tirar, mas não consegui. Então, corri para a senhora Jenkins”, disse Robert à emissora. “Ele chegou até mim e não conseguia falar. Eu o virei e fiz a manobra de Heimlich“, contou a professora. Depois de se certificar que não tinha mais nada na boca do aluno, Jenkins acalmou a sala e ligou para os pais do aluno.

Robert não precisou ir para o hospital e passa bem. Segundo a diretora da escola, 95% dos professores do local fizeram cursos de primeiros socorros.

O que é a manobra de Heimlich - Em situações graves, a obstrução das vias aéreas — que normalmente é causada por engasgos com alimentos sólidos ou outros objetos — pode levar à morte por asfixia. Em casos assim, a manobra de Heimlich é a melhor forma de proceder.

Esta manobra de primeiros socorros consiste, basicamente, em pressionar o diafragma da vítima causando uma tosse forçada, fazendo com que o objeto que esteja impedindo a respiração seja expelido. Para isso, os seguintes passos devem ser seguidos:

  1. Posicionar-se atrás da vítima e envolvê-la com os braços;
  2. Colocar as mãos em punho contra a “boca do estômago” da pessoa, entre o umbigo e a caixa toráxica;
  3. Puxar ambas as mãos para dentro e para cima, simulando o movimento de erguer a pessoa do chão.