Maceió

Agentes de trânsito participam de treinamento sobre Zona Azul

26/01/17 - 08h27 - Atualizado em 26/01/17 - 08h28
Secom Maceió

Agentes de fiscalização da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) de Maceió participaram nesta semana de uma palestra sobre o funcionamento da da Zona Azul na cidade. A medida estabelece rotatividade de automóveis em estacionamento nas vias e espaços públicos da capital em áreas comerciais e de grande fluxo evitando assim o parcelamento e o uso inapropriado do espaço urbano por terceiros.

Durante o treinamento, agentes de trânsito foram orientados quanto a questões operacionais de manuseio do aplicativo e dos talões, além dos procedimentos para verificar a situação de cada veículo estacionado. “Capacitar nossos agentes de trânsito para a fiscalização é indispensável para o funcionamento da Zona Azul”, destacou o superintendente da SMTT, Antonio Moura.

Antes do início da fiscalização, a equipe de Educação de Trânsito da SMTT vai fazer um trabalho de orientação nos estacionamentos (bolsões) da Prefeitura de Maceió no entorno dos edifícios Harmony Center e Le Monde, na Jatiúca, com as devidas sinalizações indicativas a fim de instruir os usuários sobre a Zona Azul que entrará em funcionamento nos locais a partir de fevereiro.

Como funcionará a Zona Azul?

A Zona Azul funcionará das 8h às 19h, de segunda a sexta-feira e aos sábados das 8h às 14h. O valor cobrado será de pouco mais de quatro centavos o minuto (R$0,0416) 0u R$ 2,50 por hora.  Nos bolsões (grande áreas) o tempo máximo de permanência será de 4h e nas vias públicas será de 2h.

O usuário poderá realizar o pagamento de duas formas: por meio de aplicativo gratuito para celular a ser disponibilizado tanto para iOS ou Android, ou por meio de cartão em papel, a ser adquirido em pontos comerciais conveniados próximos (bancas de revistas, por exemplo).

O pagamento fracionado por minutos de permanência só é possível via aplicativo, e no cartão, a venda de créditos é somente por hora. O valor arrecadado com a Zona Azul será revertido em investimentos de mobilidade urbana em Maceió.