Alagoas

Assistente Social de Arapiraca morre por covid; em vídeo ela relatou tensão de estar na 'linha de frente' da pandemia

Ana Carla Vieira | 04/06/20 - 19h45 - Atualizado em 04/06/20 - 20h15
Reprodução/Redes Sociais

A família da assistente social de Arapiraca, Iza Castro, vive nesta quinta-feira (04) a dor do luto. Eles perderam Iza na guerra contra o coronavírus. Ela faleceu na madrugada de hoje, em decorrência das complicações causadas pela doença.

A assistente social desenvolvia a função de administradora de um hospital em Arapiraca mas, enquanto paciente, havia sido transferida para um hospital no município de Palmeira dos Índios. 

Iza Castro chegou a ficar com a saturação pulmonar abaixo de 50, o que é considerado muito grave, e não resistiu. De acordo com a família, a profissional dedicou os últimos dias de vida tentando salvar as vidas de pessoas contaminadas com o coronavírus.

Iza usava suas redes sociais para alertar sobre os riscos da doença e  para compartilhar sobre toda a tensão e angústia de estar na linha de frente diante dessa pandemia. Em um vídeo, ela chegou a chorar noticiando a morte de um paciente e dizendo que nunca se sentiu tão incapaz, profissionalmente falando. 

"Em 15 anos de formada estou pela primeira vez me sentindo impotente. Eu não estou conseguindo lidar com essa situação, porque eu não estou conseguindo resolvê-la", dizia a assistente social no vídeo.

Nas imagens Iza ainda chegou a desabafar: "Gente, que dor. Como é doloroso você dizer a alguém que ele perdeu um ente e como é doloroso você ouvir dele o quanto eles queriam pelo menos se despedir". 

Palavras que emocionam ainda mais nesta quinta-feira de luto para tantos arapiraquenses e alagoanos que conviveram com Iza e testemunharam seu trabalho e dedicação.  

Assista: