Polícia

BPTran apreende estoque de medicamento ilegal no Centro

PM-AL | 27/06/19 - 14h12 - Atualizado em 01/07/19 - 21h43
PMAL

Após denúncia anônima de suposta venda de medicamentos controlados sem receita médica, e de procedência duvidosa, as equipes da Força Tática do BPTran dirigiram-se a uma drogaria na Rua do Livramento, no Centro de Maceió.

Os indivíduos presentes no local identificados como funcionários da farmácia e que atendiam pelos nomes de Joel e Jackson confirmaram a situação e levaram os policiais até um estoque de medicamentos que ficava num imóvel anexo à farmácia. No depósito foram encontrados os remédios de procedência duvidosa e alguns medicamentos de uso e comercialização proibida em todo o território nacional.

Entre os medicamentos, estavam caixas de produtos cuja venda é proibida no Brasil. Havia, por exemplo, caixas de Cytotec (desenvolvido para tratamento de enfermidades como gastrites e úlceras, mas utilizado ilegalmente para a prática de aborto) e Pramil (fabricado no Paraguai e sem registro da Anvisa, utilizado em casos de disfunção erétil e impotência sexual).

O material foi apreendido, totalizando cerca de 180 caixas de remédios, e conduzido junto com os possíveis funcionários do estabelecimento até a Superintendência Regional da Polícia Federal em Alagoas, no bairro Jaraguá.