Concursos

Comissão cancela prova para oficial de justiça do concurso do TJ-AL

25/03/18 - 12h26 - Atualizado em 25/03/18 - 14h43

A comissão organizadora do concurso do Tribunal de Justiça de Alagoas cancelou a prova para oficial de Justiça, no final da manhã deste domingo, 25. Segundo informações, houve problemas no momento da distribuição das provas.

Candidatos que faziam a prova para oficial de Justiça, na Escola Moreira e Silva, no Cepa, receberam por engano as provas que seriam aplicadas para os candidatos ao cargo de analista judiciário. Além dessa escola, outros locais também registraram o erro, segundo a comissão organizadora.

O TJ relatou que o concurso recebeu, ao todo, 42.762 inscritos e que o cancelamento afeta 3.711 candidatos ao cargo de oficial de justiça, que terão a prova remarcada. A data ainda será definida pela organização.

A assessoria do TJ reforça que as provas para analista judiciário e técnico judiciário estão mantidas.

A Fundação Getúlio Vargas, organizadora do certame, emitiu uma nota no início desta tarde.

Veja a nota da FGV:

A FGV Projetos, organizadora do concurso do Tribunal de Justiça de Alagoas, informa que suspendeu a prova realizada no dia 25 de março de 2018, no período matutino, para o cargo de "Analista Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador" do concurso do Tribunal de Justiça de Alagoas. A FGV Projetos divulgará a nova data do referido cargo.