Polícia

Corpo de homem com olhos arrancados é encontrado boiando em lagoa

TNH1 | 27/04/21 - 06h59 - Atualizado em 27/04/21 - 08h37
Arquivo TNH1

O corpo de um homem que teve os olhos arrancados foi encontrado boiando na Lagoa Mundaú, no município de Coqueiro Seco, nessa segunda-feira (26). A vítima também apresentou marcas de tiros no rosto e até o momento não há informações sobre quem praticou o crime.

De acordo com o relatório de ocorrências do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública desta terça (27), os moradores da "Região da Matinha", onde o cadáver foi localizado, informaram para a polícia que a vítima foi avistada às margens da lagoa durante o dia. Eles não sabem como ela foi deixada na água e reclamaram do mau cheiro.

As características físicas mostram que o homem tinha aproximadamente 1,70 metro de altura e pesava cerca de 100 quilos. Ele também tinha a cor da pele branca, cabelo preto, e uma tatuagem de uma flor na mão direita. O homem vestia uma bermuda estampada.

Os militares do 8º Batalhão que atenderam o chamado entraram em contato com o Corpo de Bombeiros para o resgate do corpo. A corporação enviou a equipe às 17h e o cadáver foi retirado da água com êxito.

Equipes do IML e do Instituto de Criminalística estiveram no local para o recolhimento do corpo e para a perícia, respectivamente.

Agentes do 15º Distrito Policial, de Santa Luzia do Norte, também foram acionados e fizeram os primeiros levantamentos sobre o assassinato.

A polícia ainda não informou à imprensa sobre os possíveis suspeitos, nem se a motivação do crime já foi descoberta.