Futebol

CRB tem mais uma expulsão fora de casa e empata com o Vila Nova

Redação com Futebol Interior | 19/10/21 - 07h53 - Atualizado em 19/10/21 - 07h54
Douglas Monteiro / Vila Nova F.C

Com um jogador a menos desde a reta final do primeiro tempo, o CRB segurou o Vila Nova e empatou sem gols na noite dessa segunda-feira, 18, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia (GO), na abertura da 31 ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Marthã foi expulso aos 38 minutos após receber o segundo amarelo.

Foi o sétimo jogo sem derrota do Vila Nova, que vai se distanciando da briga contra o rebaixamento. São quatro empates e três vitórias. Os goianos aparecem na 11 ª posição, agora com 39 pontos ganhos. Já o CRB, que não vence há quatro jogos, perdeu a chance de retornar ao G-4 – grupo de acesso. O time é o quinto colocado, com 50 pontos. Mesma pontuação que o Avaí, quarto colocado, mas com menor número de vitórias: 14 a 13.

Contra o Botafogo, o Galo já havia perdido o zagueiro Caetano, que também foi expulso no primeiro tempo. 

O jogo - O Vila Nova dominou as ações no primeiro tempo e só não tirou o zero do placar devido à falta de pontaria dos seus jogadores de meio-campo e ataque. Já o CRB, com postura bastante defensiva, pouco assustou e foi para o intervalo satisfeito com o resultado parcial.

Arthur Rezende, do Vila Nova, arriscou chutes de fora da área aos dez e 14 minutos, todos com perigo. Mas a melhor oportunidade foi aos 27, quando Alesson fez jogada individual pela esquerda, invadiu a área e cruzou para Kelvin. Na pequena área e sem marcação, ele mandou para fora.

O CRB, que já estava sendo pressionado, se complicou ainda mais aos 38 minutos, quando o volante Marthã recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com um a menos, os alagoanos recuaram e apostaram ainda mais nos contra-ataques para tentar algo a mais em campo.

No segundo tempo, o técnico Higo Magalhães colocou o Vila Nova ainda mais em cima do CRB e consequentemente as oportunidades de gol apareceram. Primeiro aos dez minutos, em chute de Clayton, e depois finalização de Tiago Real, ambas nas mãos do goleiro Diogo Silva.

O Vila Nova teve mais posse de bola, mas demorou a encontrar espaços na defesa do CRB. E quando conseguiu, falhou na finalização. Aos 39, após bate rebate na área, o atacante Rafael Silva finalizou muito forte e por cima do travessão. O detalhe é que ele estava na marca do pênalti.

Nos minutos finais as chances continuaram aparecendo com Diego Tavares e Dudu, mas o CRB se defendeu como pôde e segurou o empate na capital goiana.

PRÓXIMOS JOGOS - O Vila Nova volta a campo no domingo para enfrentar o Brusque, às 20h30, no estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC). Enquanto o CRB jogará apenas na terça-feira, dia 26, quando receberá o Coritiba, às 19 horas, no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).