Maceió

Defesa Civil em alerta máximo: 4 bairros de Maceió superaram volume de chuva para o mês

Com este nível operacional, todas as equipes do órgão, incluindo as que estão de folga, entram em regime de plantão para atender as ocorrências

Redação com Secom Maceió | 11/04/21 - 17h43 - Atualizado em 11/04/21 - 18h09
Erik Maia / Secom Maceió

A Defesa Civil de Maceió está em nível operacional de alerta máximo em virtude do volume de chuva que atingiu o município nas últimas 24 horas. As chuvas deste domingo (11) já superaram em 10% de todo o volume esperado para o município de Maceió no mês de abril.

Com este nível operacional, todas as equipes do órgão, incluindo as que estão de folga, entram em regime de plantão para atender as ocorrências. O perfeito João Henrique Caldas (JHC) acompanha as ações pessoalmente.

De acordo com a coordenadora do Centro Integrado de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil de Maceió, Joanna Borba, o volume de chuvas esperado para Maceió em todo o mês de abril é de 207 milímetros, mas até o final da tarde de hoje, quatro postos pluviométricos do órgão já superaram esse volume em 24 horas; são eles: Tabuleiro do Martins, com 231 mm de chuva; Santos Dumont, com 238 mm; Santa Lúcia, com 217 mm; e Cidade Universitária, com 205 mm.

Em outros três pontos as chuvas estão próximas aos 200 milímetros. São eles: Chã da Jaqueira, com 187 mm; Antares, com 197 mm; e Benedito Bentes, com 191 mm.

Ao todo, a Defesa Civil já recebeu três avisos de chuva que alertam para os riscos de desabamentos. O da Sala de Alerta da Semarh, que adverte para acumulados significativos de chuva; o do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, que alerta sobre o alto risco de deslizamento de massa, ou seja, deslizamento de barreiras; e o do Instituto Nacional de Meteorologia, que alerta para perigo potencial.

Até o momento a Defesa Civil já recebeu 130 chamados e 61 deles foram concluídos.