Polícia

Detentos tentam fugir do Baldomero Cavalcanti e são contidos por policiais penais

TNH1 | 23/01/22 - 16h13
Cortesia

Três detentos do presídio Baldomero Cavalcanti foram contidos por policiais penais no momento em que tentavam escapar do complexo prisional alagoano, na madrugada deste domingo, 23. A informação foi passada ao TNH1 por um agente de segurança e a Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social (Seris) confirmou a tentativa de fuga por meio de nota.

Segundo informações colhidas pela reportagem, os reeducandos usaram uma teresa, corda confeccionada com tecidos geralmente utilizada para fuga, e pularam o muro por trás do canil do presídio, por volta de 4h30. Na sequência, eles foram recapturados quando chegaram ao pátio externo do Baldomero Cavalcanti. 

(Crédito: Cortesia)

O Grupamento de Escolta, Remoção e Intervenção Tática (Gerit) comunicou que os homens estavam no módulo destinado para presos sem convívio antes de conseguirem o acesso ao pátio.

O trio foi transferido para o Presídio de Segurança Máxima e será encaminhado para o Presídio do Agreste, em Girau do Ponciano, Agreste alagoano.

Leia a nota da Seris:

A Polícia Penal agiu e conteve uma tentativa de fuga de três presos que estavam numa das unidades administradas pela SERIS (Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social).

De acordo com a direção do Grupamento de Escolta, Remoção e Intervenção Tática (Gerit), a ocorrência foi registrada na madrugada deste domingo (23), no Presídio Baldomero Cavalcanti, e acompanhada, para a devida intervenção, pela coordenação plantonista do grupamento.

Ainda conforme o Gerit, por volta de 4h30 da madrugada os três envolvidos, que se encontravam no módulo destinado a presos sem convívio, conseguiram alcançar o pátio externo da unidade, mas, a mobilização da segurança orgânica da Polícia Penal atuou e, de pronto, conteve a tentativa de fuga.

A corporação é hoje a detentora da prerrogativa de atuar na segurança interna e áreas contiguas às unidades prisionais, e a que detém ainda a atribuição de atuar em intervenções envolvendo presos que se encontram recolhidos ao sistema carcerário, incluindo operações de transporte, como a realizada nesse sábado (22).

Depois que os policiais penais adotaram os procedimentos definidos em protocolos de segurança, os presos que tentaram fugir na madrugada deste domingo foram recolhidos a outra unidade: o Presídio de Segurança Máxima (PSM), de onde, também por consequência da tentativa de fuga, deverão ser recambiados para o Presídio do Agreste.