Alagoas

Em áreas de instabilidade, escolas do Cepa e do Bebedouro vão ser realocadas

Agência Alagoas | 14/01/20 - 15h53 - Atualizado em 14/01/20 - 17h03
Google/Site Arquitetura Alagoana

A Secretaria de Estado da Educação informa que, após laudo solicitado à Defesa Civil e à CPRM, decidiu, como medida preventiva, realocar quatro escolas estaduais localizadas em áreas de instabilidade. A região sofre com problemas na estrutura do solo por conta de um abalo registrado na área em 2018, que seria, segundo estudos, provocados por conta da mineração nos bairros.

No Cepa, a realocação ocorrerá nas escolas José Correia Titara e Vitorino da Rocha. No bairro de Bebedouro, além da Escola Bom Conselho, que já foi realocada, outras duas escolas precisarão ser desocupadas. A Escola Estadual Rosalvo Ribeiro e a Escola Estadual Alberto Torres.

Vale ressaltar que apenas duas escolas do Cepa se encontram em área de instabilidade e que as demais unidades do complexo não apresentam risco. Estas são medidas preventivas para resguardar a comunidade escolar e que seguem orientações de laudos técnicos.