Polícia

Estado de saúde de militar baleado na cabeça continua grave

06/08/18 - 11h38 - Atualizado em 07/08/18 - 12h32
Arquivo/ TNH1

O policial militar baleado no último sábado, dia 4, após uma suposta tentativa de assalto no bairro Tabuleiro do Martins, se encontra em estado grave, porém estável na UTI do Hospital Geral do Estado (HGE). Ele é lotado no Batalhão de Polícia de Guarda, em Maceió.

Segundo a assessoria de comunicação do hospital, o cabo Edvaldo Félix Barros está intubado, sedado e respondendo a estímulos.

O caso

De acordo com o Centro Integrado de Segurança Pública, um homem em uma moto abordou o PM em um ponto de ônibus na Avenida Galba Novaes, em frente ao condomínio onde a vítima mora.

O policial reagiu e trocou tiros com o assaltante, que foi baleado no abdômen e no ombro, segundo informações do 4º Batalhão da PM. O militar foi atingido na cabeça e socorrido por uma viatura da Força Tarefa que estava na região.

O assaltante identificado como Anderlan Ancelmo Macena de Souza, 20, anos, conseguiu fugir, ainda pilotando a moto, mas caiu ao chegar em frente à uma loja de material de construção, na Durval de Góes Monteiro. A população o deteve e o agrediu. Ele foi socorrido e levado também ao HGE, mas não resistiu e morreu.