Polícia

Ex-marido é suspeito de matar mulher por não aceitar fim de relacionamento

Dayane Laet | 05/07/19 - 06h26 - Atualizado em 05/07/19 - 09h06
Maria Bruna foi morta a tiros | Reprodução / Redes Sociais

Uma jovem foi morta a tiros na noite dessa quinta-feira (4) na cidade de Feira Grande, Agreste de Alagoas. O ex-companheiro da vítima é suspeito de ter praticado o crime por não aceitar o fim do relacionamento.

De acordo com informações da polícia. Maria Bruna Soares da Silva, de 24 anos, tinha se separado de um homem identificado apenas como "Sandro" e desde então passou a ser ameaçada por ele. 

Testemunhas contaram que Maria Bruna foi vista pelo suspeito na companhia de outro rapaz, dois dias atrás, o que teria enfurecido Sandro.

Bruna morreu antes da chegada do socorro. O IML e peritos do Instituto de Criminalística estiveram no local para realizar os primeiros levantamentos. 

Após o suposto feminicídio, Sandro fugiu e a polícia agora faz buscas para tentar localizá-lo. Denúncias podem ser feitas pelo 181.
 

Outro caso
Na madrugada desta sexta-feira (5), outra mulher foi vítima de seu companheiro no bairro da Ponta Grossa, em Maceió.

Embora no relatório da polícia conste ferimento causado por faca, o Hospital Geral do Estado (HGE) confirmou que R.G. da S., de 28 anos, deu entrada na unidade de saúde com um ferimento causado por disparo de arma de fogo, na região do abdôme.

Após ser suturada, a vítima decidiu deixar o hospital. A polícia não divulgou a identidade do ex-marido da vítima, que permanece foragido.