Polícia

Exame de DNA confirma que corpo carbonizado é do professor Daniel Thiele

11/10/16 - 11h10 - Atualizado em 11/10/16 - 11h22

O Instituto de Medicina Legal de Maceió recebeu na manhã desta terça (11), o exame de DNA realizado no corpo carbonizado encontrado dentro de um carro na zona rural do município de Rio Largo. O resultado confirmou que o cadáver é do professor Daniel Thiele do curso de Química da Ufal.

O exame foi realizado pelo laboratório de DNA da Ufal e o resultado foi entregue ao irmão da vítima, Marcelo Thiele, que compareceu pessoalmente nesta manhã ao IML. Com o resultado positivo, a chefia administrativa do órgão prepara a liberação do corpo que ocorrerá ainda hoje.

Segundo Marcelo, o corpo será transportado para o Rio Grande do Sul. “Como meu irmão já havia manifestado a vontade, o seu corpo será cremado e no final de semana iremos realizar uma cerimônia de despedida para ele”, afirmou Thiele.

Causa da morte

O laudo cadavérico apontou que Daniel Thiele foi morto por traumatismo crânio encefálico e por instrumento perfuro-contundente provocado por arma de fogo, e em seguida seu corpo foi carbonizado. O resultado do laudo cadavérico e do exame de DNA será encaminhado para a delegacia responsável pela investigação.