Maceió

Ginga Capoeira: projeto que alcançará 400 pequenos alunos é lançado em Maceió

Dayane Laet | 16/07/19 - 10h56 - Atualizado em 16/07/19 - 11h08
Projeto vai atender crianças que estudam em escolas municipais de Maceió | Secom Maceió

Foi lançado nesta terça-feira (16), o projeto 'Ginga Capoeira', que irá promover oficinas de capoeira em oito escolas da Rede Municipal de Ensino. A solenidade aconteceu no Corredor Vera Arruda, bairro da Jatiúca, em Maceió. Pelo menos 400 alunos serão beneficados e, ao todo, serão investidos R$ 170 mil em atividades relacionadas ao projeto.

Por iniciativa da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC), em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), o projeto só foi possível graças a um convênio firmado entre a prefeitura de Maceió e o Governo Federal.  

De acordo com o prefeito Rui Palmeira (PSDB), cultura e esporte são essenciais para manter crianças de comunidades violentas dentro do ambiente escolar. "Queremos que elas permaneçcam nas escolas, bem longe da fragilidade social", explicou Rui.

Solenidade aconteceu nesta terça-feira (16) / Foto: Dayane Laet

As oficinas de capoeira acontecerão durante um período de oito meses e serão conduzidas por uma equipe composta por oito mestres e oito monitores sob a coordenação pedagógica de Mestre Cláudio. Além disso, os alunos contemplados irão receber kits de vestuário com camisa, calça e corda, que são considerados itens fundamentais para a prática  da capoeira.

Para o Mestre Marco Baiano, a iniciativa do Município irá colaborar com a formação dos alunos, além de inserir uma das principais manifestações da cultura afro-brasileira no cotidiano escolar deles. “O interessante nesse projeto é que nós iremos trabalhar direto com a escola, cumprindo, dessa forma, o que a lei já preconiza: a cultura dentro da escola fazendo parte do contexto de formação dos alunos”, afirmou.

O Ginga Capoeira será viabilizado na capital alagoana por meio de uma emenda parlamentar do então deputado federal Ronaldo Lessa, que também participu do evento. "Enquanto parlamentar, sempre acreditei que programas ligados à cultura popular, como este da capoeira e o outro do bumba-meu boi, causam maior fascínio nas crianças", explicou Lessa. Também participaram do evento o vice-prefeito Marcelo Palmeira e o Secretário Municpal de Cultura, Vinícius Palmeira, entre outros representantes. 

Diversos representantes participaram de lançamento do 'Ginga Capoeira' / Foto: Dayane Laet