Mundo

Homem é preso por suspeita de tentar sequestrar e matar Joe Biden e Kamala Harris

Istoé | 21/10/20 - 21h08
Reprodução / Instagram

Identificado como James Dale Reed, um homem foi preso sob acusação de ameaça de sequestrar e matar o candidato à presidência dos Estados Unidos Joe Biden e sua vice, Kamala Harris. O suspeito foi detido em Maryland, nos Estados Unidos.

O serviço secreto norte-americano apresentou uma queixa nesta quarta-feira (21) contra o suspeito, conforme apuração do jornal New York Times. No relato, o homem teria deixado um bilhete, além de cartazes de campanha de Biden e Harris, com ameaças contra os candidatos e seus apoiadores em uma casa.

“Somos nós que temos essas armas assustadoras, somos aqueles com quem seus filhos têm pesadelos”, dizia parte do bilhete.

“Se você apoia Biden/Harris, você será um alvo” e que “eles [os candidatos] serão executados em televisão nacional”, dizia outra parte do material, divulgado pelo jornal Washington Post.

Reed, de 42 anos, foi detido na última sexta-feira (16) sem direito a fiança. Ainda segundo a denúncia, ele teria confessado ser o autor do bilhete. Caso ele seja condenado pelo crime de ameaçar o candidato, o acusado pode pegar até cinco anos de prisão.

Na queixa apresentada pelo serviço secreto norte-americano, o acusado é descrito como velho conhecido das autoridades por já ter denunciado uma pessoa sob proteção da agência federal dos Estados Unidos em 2014.