Polícia

Homem reage à abordagem policial, foge em moto por 6 km, mas acaba detido

TNH1 com Ascom PRF | 19/09/20 - 13h09 - Atualizado em 19/09/20 - 13h45
Ascom PRF

Um homem foi detido depois de reagir a uma abordagem da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-316, e fugir numa moto por seis quilômetros até ser parado no município de Canapi, no Sertão de Alagoas, na tarde da última sexta-feira (18).

De acordo com a PRF, os agentes avistaram a moto Honda POP 100, de cor preta e de placa de Itaiba/PE, com um ocupante no quilômetro 35 da rodovia. Ao ver a viatura, o condutor, sem capacete, realizou manobra perigosa e disparou em alta velocidade para fugir da fiscalização, momento em que iniciou a perseguição pela BR-316 e, posteriormente, pelas ruas do município sertanejo. 

Ainda segundo a polícia, o homem realizou várias manobras perigosas na moto, colocando em risco a sua vida e de pedestres que passavam no local, inclusive, crianças e idosos. Após descumprir várias ordens de parada, por sinal sonoro e luminoso, ele perdeu o controle da motocicleta e veio a cair, sem ferimentos aparentes, momento em que a equipe conseguiu abordá-lo. 

Foi realizada a fiscalização documental e veicular, onde foi constatado que o condutor era bombeiro civil do município, não possuía carteira nacional de habilitação (CNH) e a motocicleta apresentava débitos de licenciamento, sendo recolhida ao pátio conveniado.

O Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) foi realizado após o bombeiro civil se comprometer a comparecer em juízo. Ele vai responder pelo crime de conduzir veículo automotor, em via pública, sem a devida permissão para dirigir ou habilitação ou, ainda, se cassado o direito de dirigir, gerando perigo de dano (art. 309 do CTB).