Alagoas

Idosa é atacada por abelhas e leva cerca de 30 ferroadas; saiba como agir nesses casos

Redação TNH1 | 17/02/20 - 17h10 - Atualizado em 17/02/20 - 17h16
Divulgação / Prefeitura de Delmiro Gouveia

Uma idosa de 62 anos precisou ser socorrida por militares do Corpo de Bombeiros nesta segunda-feira (17), após ser atacada por um enxame de abelhas, em Delmiro Gouveia, Sertão de Alagoas. O caso aconteceu na zona rural da cidade, próximo a uma chácara. 

Segundo o CBM, a vítima teve uma forte crise alérgica ao ser atingida por aproximadamente 30 ferroadas de abelhas na região do pescoço e do rosto. Duas viaturas e seis bombeiros socorreram a mulher, que foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento de Delmiro Gouveia. 

Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima ficou em observação na UPA.

O que fazer em um caso de ataque de abelhas? 

Ao TNH1, o CBM informou que a pessoa deve correr em zigue-zague para fugir. O motivo? As abelhas e vespas se movimentam em grupo e em linha reta. Mesmo assim, é recomendado que a pessoa proteja a boca, o nariz e os olhos, e que também não faça barulho. O Corpo de Bombeiros alerta para que a vítima peça socorro imediato e chame o CBM ou o Samu em casos como esse.