Maceió

Lei Seca prende quatro motoristas em operações na semana da fase amarela em Maceió

Ana Carla Vieira | 26/07/20 - 09h50 - Atualizado em 26/07/20 - 11h18
Cortesia/Operação Lei Seca

A operação Lei Seca realizou, ao longo da semana, dez ações de fiscalização em diferentes pontos da capital alagoana. As operações aconteceram nos períodos da noite e madrugada da quarta-feira (22), quinta (23), sexta (24), sábado (25) e também na madrugada deste domingo (26).

Quatro motoristas foram presos, dois deles por embriaguez ao volante. Segundo informou o coordenador da Lei Seca, capitão Emanuel Costa, eles estariam conduzindo veículo automotor com a capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool.

Já outro motorista foi preso depois que se submeteu ao bafômetro e o teste acusou 0,73 mg/L. E outro condutor também foi preso pelo Termo de Constatação de Alcoolemia (TCE).

Além das prisões, no total, 11 condutores foram autuados e retirados de circulação por situação de alcoolemia.

"As pessoas estão saindo cada vez mais pra frequentar os bares e restaurantes e acabam esquecendo ou não tem a responsabilidade e, depois de sair com os amigos, pegam um veículo após ter bebido. Nós estamos intensificando essas ações agora no sentido de coibir fortemente essa prática", disse o coordenador da Lei Seca.

"A intenção nossa é retirar os motoristas de circulação antes que aconteça algo pior. O importante é salvar vidas", enfatizou o capitão Emanuel Costa.

As blitze foram realizadas nos bairros do Tabuleiro dos Martins, Santa Lúcia, Serraria, Farol, e também na parte baixa nos bairros de Mangabeiras, Jaraguá e Cruz das Almas.

O Capitão chamou a atenção também para o fato de 21 motoristas terem sido flagrados sem habilitação, o que ele considerou um fato extremamente preocupante. 

Além disso, dez condutores foram utuados por alterarem os escapamentos das motos, produzindo poluição sonora em desacordo com o que estabelece o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

A operação abordou 410 veículos e revistou os condutores.