Maceió

Maceió ganha centro para tratamento de pacientes com sequelas da Covid-19

Unidade é a quinta voltada para pacientes vítimas de Covid-19, mas a primeira para tratamento de complicações

Secom Maceió | 13/08/20 - 12h30 - Atualizado em 13/08/20 - 12h34
Foto: Átila Vieira / Secom Maceió

Na manhã desta quinta-feira (13), o prefeito Rui Palmeira e o secretário municipal de Sáude, José Thomaz Nonô, entregaram à população de Maceió o Centro de Especialidades Eliane Machado, localizado próximo ao PAM Salgadinho. O espaço – que já está em funcionamento -, atende  pacientes que tiveram complicações após contraírem o novo coronavírus, bem como outras síndromes gripais.

Segundo o prefeito Rui Palmeira, Maceió é uma das primeiras cidades a disponibilizar um local específico para tratar pessoas que tiveram o organismo afetado após infecção causada pelo novo coronavírus.

“É uma unidade muito importante que vai cuidar dos pacientes que têm sequelas decorrentes da covid-19. A cada dia aparecem novas sequelas, então a pessoa pode precisar de fisioterapia, fonoaudiólogo, neurologista. São muitos especialistas que estarão atendendo aqui”, destacou o prefeito Rui Palmeira, que aproveitou para ressaltar e agradecer o trabalho do secretário de Saúde José Thomaz Nonô e de toda equipe da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Foto: Átila Vieira / Secom Maceió 

No Centro de Especialidades, a população pode contar com uma equipe formada por pneumologistas, cardiologistas, neurologistas, otorrinolaringologistas, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, entre outros.

Para o secretário José Thomaz Nonô, a unidade é mais um avanço no tratamento dos usuários infectados com o novo coronavírus e, ainda, carrega uma homenagem aos que estão na linha de frente no combate à doença.

“Nós resolvemos então transformar isso aqui em uma primeira unidade, e eu acho que é a primeira no país, a se dedicar com o melhor da nossa força médica, com os nossos servidores mais dedicados possíveis, com belos equipamentos para exatamente explorar esse campo, do que acontece com essas pessoas que continuam apresentando sintomas. Para uma unidade dessa natureza, era necessário um nome que sintetizasse um pouco isso e nós escolhemos o de Eliane, porque não poderia haver maneira melhor de homenagear o servidor, o médico, o profissional que está na linha de frente se arriscando e engajado”, disse ao destacar a médica que morreu vítima de Covid-19, no último mês de maio .

Entre os exames que serão ofertados pela unidade, estão o de tomografia, ecocardiograma, eletro, raio-x, entre outros. O PAM Salgadinho poderá servir como suporte na realização de alguns procedimentos.

Álvaro Machado, pediatra e esposo da médica homenageada, participou da inauguração da unidade e frisou a importância da homenagem à profissional, que continuou trabalhando mesmo com a pandemia. “Recebi com muita alegria essa homenagem, primeiro pelo reconhecimento do secretário Thomaz Nonô e do prefeito Rui Palmeira. Quando a gente recebeu essa notícia, a família toda ficou muito feliz, porque é uma maneira de perpetuar também o nome dela e o trabalho no estado”, relata.

Para acesso aos serviços do Centro de Especialidade, que funcionará de segunda a sexta, das 7h às 19h, os pacientes precisam ter o encaminhamento das unidades de saúde do Município e dos hospitais. Haverá ainda marcação pelo Complexo Regulador de Maceió (Cora) e uma reserva técnica para os pacientes encaminhados direto das Unidades de Referência em Síndrome Gripal.

Unidades de Referência

A Prefeitura de Maceió, por meio da SMS, já tinha colocado à disposição dos maceioenses quatro unidades para receber pacientes com a Covid-19 e outras síndromes gripais. Diferente do Centro de Especialidades, esses equipamentos públicos são destinados a pessoas com os quadros leves da covid-19, funcionando como local de triagem para diagnóstico e encaminhamentos dos quadros graves.

Atualmente, formam parte da rede de acompanhamento a pessoas com sintomas do novo coronavírus as unidades de referência: UBS Walter de Moura Lima, na Santa Amélia; UBS Jorge Duarte Quintela Cavalcante, no Graciliano Ramos; UBS do Novo Mundo; e a URS Maria da Conceição Paranhos, em Jacarecica.

Homenagem

A unidade leva o nome da médica Eliane Buarque de Freitas Machado, que faleceu dia 11 de maio, aos 63 anos, em decorrência da Covid-19. A pediatra renomada atuava como diretora administrativa de uma clínica particular de Maceió e dedicou mais de 30 anos de sua vida à Medicina.

Formada pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), em 1981, dra. Eliane Machado fundou o primeiro Banco de Leite Humano do estado, em 1987, e chegou à presidência da Sociedade Alagoana de Pediatria (SAP), em 1994. Além disso, a médica atuou em postos de saúde e hospitais da Capital e interior de Alagoas.