Polícia

Mais de 107 kg de maconha são apreendidos em Maceió; droga está avaliada em R$ 700 mil

Redação TNH1 | 23/09/21 - 07h28 - Atualizado em 23/09/21 - 11h34
Droga foi encaminhada à Central de Flagrantes, no bairro Pinheiro | Foto: Cortesia / BPE

Ao menos 107 kg de maconha foram apreendidos durante operações da polícia nos bairros Feitosa e Petrópolis, em Maceió, na noite dessa quarta-feira (22). Somente na Grota do Moisés, no Feitosa, a apreensão foi de 70 tabletes, o que corresponde a 70 kg do entorpecente. A PM estima um prejuízo de R$ 700 mil ao tráfico de drogas.

De acordo com a polícia, no primeiro momento, três homens foram vistos próximo de uma mata no Feitosa e um deles parecia enterrar algo, o que ficou constatado depois que se tratava da grande quantidade de maconha. "Ao perceber a presença da guarnição, os indivíduos empreenderam fuga adentrando a mata tomando rumo desconhecido. Diante da distância e difícil acesso entre a escadaria e a mata, não obtivemos êxito na abordagem, contudo, ao realizar a revista nas bolsas constatamos certa quantidade de material entorpecente, aparentando ser maconha. Ao revistar o perímetro, próximo a árvore em que os indivíduos estavam, havia uma cesta verde com mais unidades dos tabletes", detalhou o Batalhão de Polícia de Eventos (BPE).

A segunda apreensão aconteceu na Chã Nova, a partir de informações repassadas pelo Serviço de Inteligência da Polícia Militar (PM). Lá, além de mais de 36 kg de maconha, também foi apreendido um veículo Zafira de cor prata e um homem foi preso em flagrante.



"A partir de tais informações foi intensificado o patrulhamento e abordagens na região, momento em que foi avistado um indivíduo com as características repassadas pelo setor de inteligência descendo de um veículo e demonstrando nervosismo com a presença das guarnições. Procedida a abordagem, a busca pessoal e a busca veicular minuciosa foi percebido pelas equipes um certo odor de entorpecente do tipo maconha", informou o Batalhão da Rotam. A droga apreendida e o suspeito de tráfico foram encaminhados à Central de Flagrantes, no bairro Pinheiro.