Mundo

Mamãe elefanta carrega filhote morto e se recusa a entregar o cadáver

Extra | 31/05/22 - 22h47
Acredita-se que ela tenha carregado o corpo por ao menos 7 quilômetros | Foto: Reprodução

Elefantes são capazes de experimentar e compreender uma grande variedade de emoções, incluindo a morte. Uma prova disso foi vista em Jalpaiguri (Bengala Ocidental, Índia). Uma mamãe elefanta foi filmada carregando o corpo de seu filhote morto. Um vídeo registrando a cena dramática viralizou nas mídias sociais.As imagens mostram a paquiderme lutando para levantar seu filhote morto com sua tromba e se recusando a soltá-lo.

Segundo relatos, o filhote morreu na última sexta-feira (27/5) na região de Dooars, mas a mãe se recusou a deixá-lo desde então. Acredita-se que ela tenha carregado o corpo por ao menos 7 quilômetros. Trinta outros elefantes se juntaram à mãe enlutada. Não está claro como o filhote morreu.

De acordo com a ANI, uma equipe de animais selvagens de Binnaguri tentou pegar o cadáver, mas a elefanta não permitiu e foi embora para o Redbank. Enquanto isso, as autoridades florestais estão usando drones para monitorar o movimento da elefanta e da manada.

"Os elefantes são conhecidos por terem um cuidado extra com seus filhotes. Encontramos vários incidentes de elefantes fazendo de tudo para resgatar seus filhotes de qualquer tipo de angústia. Este incidente é também um indicador do comportamento dos elefantes. O que é significativo aqui é que toda a manada se juntou à fêmea em luto", disse Shyama Prasad Pandey, coordenador do projeto de monitoramento do corredor de elefantes do Wildlife Trust of India-SPOAR no norte de Bengala Ocidental, ao jornal "The Hindu".