Brasil

“Matar todo mundo”: adolescente de 14 anos é apreendido em Manaus por planejar atentado em escola

Amazonas Atual | 18/08/21 - 14h26 - Atualizado em 18/08/21 - 14h35
Mensagens trocadas entre adolescentes | Foto: Polícia Civil de Goiás

Um adolescente de 14 anos foi apreendido em Manaus nesta terça-feira (17) por planejar um ataque a uma escola do bairro Glória, na zona oeste da capital, informou a Polícia Civil do Amazonas. Policiais da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente foram acionados pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, que monitorou conversas sobre atos de violência e terrorismo na internet.

A delegada Joyce Coelho disse que foi identificado que o adolescente planejava o atentado juntamente com outros dois que moram nos estados do Rio Grande do Norte, na cidade de Campo redondo, e Goiás – Itumbiara. Segundo o Ministério da Justiça, esses dois outros adolescentes são primos. A ação, segundo a delegada, ocorreria de forma simultânea nas cidades.

Em mensagem de celular interceptada pela Polícia de Goiás, segundo o jornal “O Globo”, um deles descreve que “vai matar todo mundo”. Segundo a polícia de Goiás, o adolescente estava com viagem marcada para encontrar o outro no interior do Rio Grande do Norte para encontrar o primo.

Após cometer o atentado, eles pretendia também se matar, segundo a polícia goiana. “Os jovens já haviam, inclusive, escolhido pela internet as roupas que usariam durante o massacre e estavam na fase de planejamento, para testar os equipamentos que usariam”, informou a polícia goiana ao “O Globo”. Conforme Joyce Coelho, os suspeitos chegaram a estudar atentados como o de Columbine, nos Estados Unidos, o de Suzano, em São Paulo, e o de Realengo, no Rio de Janeiro. A delegada vai dar detalhes sobre o planejamento do atentado e a apreensão do adolescente em entrevista coletiva nesta quarta-feira, às 9h30, na Delegacia Geral de Polícia Civil, na zona centro-oeste de Manaus.