Maceió

Moradores são impedidos de protestar com faixas em audiência pública da CPRM

Deborah Freire | 08/05/19 - 09h45 - Atualizado em 08/05/19 - 10h07
Faixas tiveram que ser fechadas e guardadas | TNH1 / Erik Maia

Um protesto pacífico de moradores no início da audiência pública para a apresentação do relatório técnico do Serviço Geológico do Brasil (CPRM) sobre a instabilidade do bairro Pinheiro e áreas adjacentes, na sede da Justiça Federal, foi barrado logo no início da audência. 

ACOMPANHE AO VIVO A TRANSMISSÃO PELO TNH1.

Faixas com os dizeres “Queremos Justiça” e “Bloqueio Já” tiveram que ser fechadas e guardadas pelos representantes dos moradores que compareceram ao auditório Ministro Pedro Acioli, no bairro da Serraria, por que foram abertas ao lado da tribuna, onde os especialistas darão as explicações.

A audiência começou por volta das 9h30, com a fala de abertura do coronel Alexandre Lucas Alves, Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, e tem continuidade com a apresentação do relatório com o geólogo Thales Queiroz Sampaio.