Interior

Motorista embriagado é preso após atropelamento com morte na BR-316

TNH1 com Ascom PRF | 27/07/21 - 08h43 - Atualizado em 27/07/21 - 11h03
Vítima do atropelamento morreu no local | Reprodução

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, nessa segunda-feira, 26, um motorista embriagado responsável por um acidente que resultou na morte de uma servidora pública na BR 316. O caso aconteceu no km 103, em um trecho de Dois Riachos. 

De acordo com a PRF, a equipe recebeu uma ligação da Polícia Militar informando sobre um atropelamento de pedestre. Durante o contato foi informado que o motorista fugiu do local sem prestar socorro. No entanto, pouco tempo depois, um veículo Corolla, de cor preta, passou pela viatura da PRF. O carro possuía marcas de acidente e características semelhantes às informadas pelos policiais militares. 

Os PRFs então deram ordem de parada ao condutor, que obedeceu. Em seguida foi realizado o teste de alcoolemia, constatando um teor de 0,94 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. O motorista foi identificado como secretário de Saúde de Santana do Ipanema.

Dentro do veículo foram encontradas ainda 10 latas de cerveja, sendo 7 já utilizadas. Diante dos fatos, o homem foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Santana do Ipanema. A reportagem do TNH1 tentou contato com a assessoria da Prefeitura da cidade, mas não obete resposta até o final da manhã.

O motorista poderá responder por homicídio culposo na direção de veículo automotor, embriaguez ao volante e omissão de socorro.

A mulher foi identificada Jenilda Bento e tinha 39 anos. Ela trabalhava em uma unidade de ensino em Dois Riachos.