Maceió

Mulher é agredida, chama a polícia e entra em trabalho de parto na delegacia

TNH1 com TV Pajuçara | 09/09/21 - 19h15 - Atualizado em 09/09/21 - 19h23
Gestante começou a passar mal ainda na viatura e foi socorrida pelo Samu | Foto: Reprodução / TV Pajuçara

Uma mulher grávida de oito meses entrou em trabalho de parto na Central de Flagrantes, no bairro Pinheiro, no final da tarde desta quinta-feira (09). A mulher identificada pelas iniciais A.L.S., de 21 anos, é moradora do Conjunto Denisson Menezes, no Benedito Bentes, parte alta de Maceió, e estava na delegacia para registrar queixa de agressão contra o marido.

Segundo o Batalhão de Polícia de Guarda (BPGd), que atendeu a ocorrência, a gestante começou a passar mal ainda na viatura, quando militares acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A mulher foi socorrida por uma Unidade de Suporte Básico (USB) para a Maternidade Santo Antônio, no Centro, com o quadro de trabalho de parto confirmado.

De acordo com a polícia, esta não teria sido a primeira vez que a mulher procurou a polícia para denunciar agressões sofridas pelo marido. O suposto agressor, no entanto, já foi liberado. À TV Pajuçara, o marido negou que tivesse agredido a mulher e disse que teria dado "apenas um empurrãozinho".