Saúde

Municípios alagoanos vão iniciar vacinação de adolescentes, de forma simultânea, na próxima semana

TNH1 com Assessoria Cosems AL | 26/08/21 - 10h07 - Atualizado em 26/08/21 - 10h32
Assessoria Cosems AL

Gestores municipais da Saúde, diretores e técnicos do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Alagoas (Cosems/AL) e representantes da Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas (Sesau) se reuniram nessa quarta-feira (25) para discutir sobre a vacinação dos adolescentes de 12 a 17 anos nos municípios de Alagoas. Na reunião, ficou pactuado que este público começará a ser vacinado a partir da próxima semana, de forma conjunta em todos os municípios.

De acordo com a vice-presidente do Cosems/AL, Edijária Camilo (gestora de Saúde de Dois Riachos), que presidiu a reunião, esta pactuação é importante por dois motivos: primeiro para garantir os insumos necessários (vacinas e seringas) em quantidade suficiente para todos os municípios; e segundo para oportunizar que todos os municípios iniciem a segunda etapa da Campanha de Vacinação de forma simultânea, de modo a garantir o acesso dos adolescentes a esta vacinação no seu próprio território, evitando a migração para os municípios que iniciarem primeiro.

Já o presidente do Cosems/AL Rodrigo Buarque (secretário de Saúde de Jundiá), que acompanhou a reunião online, destacou a importância dos municípios estarem unidos e iniciarem a vacinação de forma simultânea para evitar as pressões sobre os gestores e a falta de entendimento dos diversos munícipes, que ficam questionando porquê a vacina está disponível em uns municípios e outros não. “Agindo dessa forma organizada e pactuada, com certeza iremos garantir o sucesso desta segunda etapa da campanha de vacinação contra a Covid-19”, reforçou Rodrigo.

Segundo o secretário executivo do Cosems, Sival Clemente, foram definidos como encaminhamentos desta reunião: a realização de uma outra na próxima terça-feira (31) para que sejam repassadas todas as orientações técnicas para a vacinação dos adolescentes, uma vez que se faz necessário obedecer às orientações dispensadas pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI) como, por exemplo, iniciar a vacinação nos adolescentes com comorbidades e privados de liberdade, bem como garantir a qualidade da vacinação que até o momento só pode ser realizada com a vacina Pfizer, a única com certificação da Anvisa para ser administrada nos adolescentes.

Também ficou pactuado com a Sesau que esta semana serão distribuídas doses de vacinas para os municípios avançarem na conclusão da vacinação da população acima de 18 anos, já que esta é a orientação do PNI: concluir a vacinação da população acima de 18 anos para avançar na vacinação dos adolescentes. O Cosems/AL explicitou e conclamou ainda a união e a colaboração dos gestores municipais de Saúde, que têm sido fundamental e imprescindível para o bom andamento da Campanha de Vacinação contra a Covid-19, sempre observando os regramentos técnicos, as orientações do PNI e as pactuações.