Maceió

Ônibus da empresa Cidade de Maceió ficam sem circular por protesto de rodoviários

TNH1 | 14/06/21 - 07h52 - Atualizado em 14/06/21 - 09h42
Arquivo

Rodoviários da empresa de viação Cidade de Maceió paralisaram o serviço no início da manhã desta segunda-feira (14) em protesto que alegam atraso no pagamento de salários. Com isso, os ônibus da empresa estão sem circular na capital nesta manhã.

Segundo informações colhidas pela reportagem, os funcionários se reuniram na garagem da Cidade de Maceió, situada no bairro de Santa Lúcia, e decidiram não liberar a saída dos veículos desde as 4h.

Ao TNH1, o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Alagoas (Sinttro) confirmou a paralisação das atividades dos rodoviários, mas ainda não passou mais detalhes sobre as cobranças do grupo. A exigência principal seria a quitação dos vencimentos dos funcionários.

A Cidade de Maceió se pronunciou por meio de nota e destacou que houve atraso nos compromissos firmados com os colaboradores, mas ressaltou que cerca de 70% dos salários foram pagos. A previsão da empresa é que tenha regularização em breve.

Leia o comunicado a seguir:

"Sobre a greve que se iniciou nas primeiras horas desta segunda-feira, a Viação Cidade de Maceió esclarece que devido à redução na demanda de passageiros por conta dos decretos de distanciamento social, bem como ao desequilíbrio econômico-financeiro nos contratos, houve um atraso nos compromissos firmados com seus colaboradores, situação que não ocorria há muito tempo. No entanto, ressalta que em torno de 70% dos salários já foram quitados, e que a previsão é de que o restante seja regularizado o mais breve possível".